terça-feira, 29 de novembro de 2011

domingo, 27 de novembro de 2011

“Mídia-educação no contexto escolar”

Esta atividade foi desenvolvida em junho de 2011 com alunos do 1º e 2° ano.
Visitamos o Zoológico de Pomerode para conhecer os animais, suas características, alimentação, cuidados e presenvação.
Inicialmente participamos de uma palestra com a bióloga do programa de Educação Ambiental do Zoo e vistamos todo o zoológico, registramos através de fotos os momentos vivenciados.
Em outro momento, fiz uma pesquisa no site do Zoo: www.pomerzoo.org.br/ e organizei um slide com a foto do animal e sua ficha técnica, e com as fotos tiradas no dia da visita.
É preciso registrar que nesta época ainda não estava instalada a internet na escola.
Em uma aula, através do data show, comparamos as fotos tiradas no dia onde aparecem as crianças e as do site juntamente com a ficha técnica de cada animal.
O objetivo desta aula foi  de verificar o que as crianças aprenderam e completar este conhecimento sobre os animais utilizando a pesquisa retirada do site do Zoo.
Foi interessante observar que quando a criança se via na foto, relatava o que aprendeu com muito entusiamo e  segurança.

domingo, 13 de novembro de 2011

Registros do plano de aula...

Elaboração do mapa conceitual, no ATE, utilizando o  projetor,  com a participação dos alunos e professoras Morgana e Camila e auxiliar de biblioteca Cristina.
Vídeo com a apresentação de uma das brincadeiras cantadas na aula de educação física com a professora Camila.
video

segunda-feira, 7 de novembro de 2011

Desenvolvimento das atividades...

Após a roda de conversa, em sala de aula, sobre algumas brincadeiras cantadas de origem africana, os alunos, em duplas, fizeram um desenho da brincadeira estudada que mais apreciaram.
No ATE os alunos irão reproduzir estes desenhos no TUX PAINT para a elaboração de slides.
Registro da repodução dos desenhos no ATE.

 Os alunos, em sala de aula, explorando o globo e o mapa mundi para conhecer a localização do Continente africano.

Pesquisa a sites da web para conhecer a cultura do brincar na Africa.




Contação do livro informativo “Jogos, brincadeiras e cantigas”, da coleção “Africanidades”, dos autores Antonio Jonas Dias Filho e Márcia Honora, na biblioteca da escola, pela auxiliar de biblioteca Cristina.



domingo, 23 de outubro de 2011

Plano de Aula.

O desenvolvimento das atividades do plano de aula com os alunos do 1º ano acontecerá com a participação das cursistas Camila e Cristina e Morgana, do Curso Tecnologias na Educação: ensinando e aprendendo com as TIC.
Observação: todas as etapas serão fotografadas com o propósito de elaborar um SLIDE SHOW.
Título: Brincadeiras cantadas: herança africana.
Palavras chaves: brincadeiras -  África  -  cultura.
Objetivo Geral:
Redescobrir e vivenciar as brincadeiras brasileiras com influência africana.

Disciplinas: História - Geografia - Português - Educação Física.

Conteúdo: Africanidade
                   Localização geográfica do Continente Africano.
                   Listas
                   Conceitos e contextualização de brincadeiras com influências africanas
                    Brincadeiras cantadas
           
O que o aluno poderá aprender com esta aula:
1.      Comparar as brincadeiras de ontem e hoje e suas possíveis origens.
2.      Entender o termo africanidade.
3.      Conhecer a localização do continente africano através do mapa mundi/globo.
4.    Identificar algumas brincadeiras de origem africana que foram incorporadas à cultura brasileira.

5.    Identificar quais dessas brincadeiras são vivenciadas pelos nossos alunos.

6.      Trabalhar de modo cooperativo na realização de desenhos no TUX PAINT sobre brincadeiras conhecidas.
7.      Visitar sites que mostrem a cultura do brincar com influência africana no Brasil e o brincar das crianças na África.
8.      Ouvir contação do livro informativo “Jogos, brincadeiras e cantigas”, da coleção “Africanidades”, dos autores Antonio Jonas Dias Filho e Márcia Honora.
9.      Entender que a brincadeira proporciona a socialização e interação com os colegas e a compreensão de regras e limites.
10.  Participar de brincadeiras cantadas de origem africana: Batata-quente, Escravos de Jó, pular corda, pular elástico e pegador.

11.  Conhecer o uso de um  mapa conceitual, participando de sua elaboração (uso do projetor).
12.  Assistir a ao slide show.
13.  Assistir ao filme da socialização com as brincadeiras cantadas.
Duração aproximada: 8 aulas
Sequência didática:
1ª etapa:
Através de uma roda de conversa,  ouvir os alunos sobre as brincadeiras conhecidas e quais  suas  possíveis origens.
 Situar neste momento a contribuição dos africanos nas brincadeiras conhecidas.
 Conceituar Africanidade  e  fazer o registro no caderno de atividades.
2º etapa:
Localizar no mapa mundi/globo o Continente Africano.
Explorar oralmente a diversidade deste continente: países, idiomas, clima, flora e fauna.
 Conversar  sobre a vinda dos africanos ao Brasil – abordar sobre o tema  escravidão principalmente sobre o relacionamento entre os filhos dos Senhores de escravos e os filhos de escravos.
Colar no caderno de atividades o mapa do Continente Africano e registrar em forma de lista alguns pontos explorados oralmente.
3º etapa:
ATE – utilizar o TUX PAINT para desenhar  brincadeiras de origem africana conhecidas.

4º etapa:
Biblioteca: contação de histórias sobre o livro: “Jogos, Brincadeiras e Cantigas”.
5ª etapa:
Visitar alguns sites para observar imagens da África que mostre a  sua cultura.
Capturar imagens de  brincadeiras para formar slides no BrOffice Impress  e digitar o nome dos mesmos, com auxilio.
Utilizar para os slides os desenhos elaborados no TUX PAINT.
Observação: todos os alunos irão contribuir para um único trabalho, sistema de rodízio de equipes.
6ª etapa:
Socializar as brincadeiras cantadas com os colegas respeitando as regras e os limites.    Filmar as brincadeiras.
7º etapa:
Assistir ao slide show e a filmagem produzida pelas professoras e a explicação do mapa conceitual.
AVALIAÇÃO
Através da oralidade o aluno deverá expressar os conhecimentos adquiridos.
Ao participar de brincadeiras cantadas, o aluno deverá respeitar as regras e acompanhar o ritmo da brincadeira.
Localizar no globo o continente Africano.
Escrever lista de brinccadeiras cantadas.
Interagir na contação de histórias.

terça-feira, 4 de outubro de 2011

Trabalhando com as novas tecnologias...

Aprendemos no encontro de hoje, um pouco mais sobre o google docs, a versatilidade de trabalharmos o mesmo conteúdo, em grupo, com contribuições no processo: produção colaborativa.

domingo, 2 de outubro de 2011

Publicação de slides...


Ao trabalhar o tema folclore na alfabetização, busco proporcionar atividades lúdicas, para o aluno aprender brincando, e consequentemente aprimorar a sua leitura e escrita.
Segue alguns dos objetivos que trabalhei com meus alunos:
1.       Compreender o folclore como manifestação cultural de um povo.
2.       Desenvolver a linguagem oral, através da literatura infantil sobre lendas, mitos e contos do folclore brasileiro e também  leituras de fichas com parlendas, trava-línguas, quadrinhas.
3.       Proporcionar entrevistas com pessoas da comunidade (pais/avós/tios) sobre brincadeiras de ontem e hoje.  Elaborar gráficos sobre as brincadeiras pesquisadas.
4.       Participar de dramatizações de poesias e músicas folclóricas e confeccionar máscaras e flores para o cenário do teatro, com material reciclado.
5.       Trabalhar com blocos de formas geométricas planas na construção de um personagem folclórico.
Dentro do processo realizei  algumas atividades  e apresentarei no programa smilebox.

Click to play this Smilebox slideshow
Create your own slideshow - Powered by Smilebox
Picture slideshow generated with Smilebox